sábado, 22 de janeiro de 2011

Fagulha X Fogueira

“A VIDA É INCONTROLÁVEL e é isso que faz com que essa fagulha que se chama vida possa virar uma fogueira ou continuar fagulha. Controlar desejos, emoções e aproximações com o que se considera errado é negar-se fogueira e afirmar-se fagulha.”

Alguns FATOS: esse texto que citei faz todo o sentido do mundo pra mim; mudança pode ser opcional, mas em geral, acontece!

Um antigo conhecido já cantou a pedra: “- Esse papo de “deixa a vida me levar” deve ficar pro Zeca Pagodinho, a gente tem que correr atrás do que quer...” OK, Concordo que devemos assumir nosso papel de autor e protagonista das nossas histórias, porém não dá pra negar, nem pra resistir, que a vida, destino, coincidência (dê o nome que preferir) se encarrega de sua parte. Parte essa que está fora do nosso alcance, fora do nosso controle.

Sim, posso dizer que meu balanço mostra mudanças: menos 1 namorado, menos 1 vesícula, menos 7kg, menos 15 cm de cabelo, mais experiência, mais paciência, mais amigos, mais saúde, menos horas de sono, mais um curso concluído...

Tão válido quanto todas essas mudanças externas, vale o que acontece dentro de mim todos os dias: o que aprendo, vejo, vivo, ouço, sinto... É tudo tão... diferentemente igual! Ou igualmente diferente?!

Ah! Mais um FATO: Eu - pausa - sou Fogueira!!

3 comentários:

  1. Gatinha, adorei !!
    Eu - pausa - também quero ser FOGUEIRA ! rs
    Bjoo

    ResponderExcluir
  2. Ai, ai....as vezes sou tão fagulha.....!

    ResponderExcluir
  3. q eu seja sempre uma grande fogueiraa!

    ResponderExcluir